Governador pede afastamento de PMs envolvidos em caso de violência

-

Em nota O governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, determinou o afastamento imediato dos policiais militares envolvidos em casos de violência registrados no atendimento de ocorrências em Bonito e Bodoquena.

Para o governador, ainda que tenha havido ocorrência de desacato e agressões aos policiais, são inadmissíveis a violência extrema e a conduta empregada na ação policial nestes casos, que já estão sob rigorosa investigação, em Inquérito Policial Militar. Imagens do circuito de segurança do quartel da PM em Bonito mostram, pelo menos, 4 policiais militares na cena do espancamento. Mas apenas dois militares serão afastados enquanto durarem as investigações.

VEJA TAMBEM